Fonte

Meu amor diz-me o teu nome
– Nome que desaprendi…
Diz-me apenas o teu nome.
Nada mais quero de ti.

Diz-me apenas se em teus olhos
Minhas lágrimas não vi,
Se era noite nos teus olhos,
Só porque passei por ti!

Depois, calaram-se os versos
– Versos que desaprendi…
E nasceram outros versos
Que me afastaram de ti.

Meu amor, diz-me o teu nome.
Alumia o meu ouvido.
Diz-me apenas o teu nome,

Antes que eu rasgue estes versos,
Como quem rasga um vestido!

Pedro Homem de Mello

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s